fbpx
 

Fotografia Profissional

Três Dicas Para Produzir Fotos Profissionais

Chega de “tirar fotos”, cada imagem deve ser planejada, não se trata de apenas fazer um clik, pois não estamos pensando em fotografia para nosso feed ou stories de redes sociais, claro que também tem a sua importância, mas aqui estaremos abordando todo o conceito focado em fotografia profissional.

Aqui vão nossas dicas para produzir fotos profissionais, pois o resultado da nossa arte estará impregnada em uma imagem.

1- Iluminação

A fotografia foi inventada por inserção de luz dentro de uma cena, e a captação por uma câmera que mecanicamente deixava entrar essa luz. A câmara escura original era um quarto cuja única fonte de luz ingressava por um minúsculo orifício em uma de suas paredes e assim, esta luz projetava uma imagem do exterior na parede oposta. Mesmo que a imagem resultante fosse invertida e borrada, os artistas utilizaram esta técnica, muito antes da invenção do filme, para esboçar cenas projetadas pela câmera. Hoje em dia, os sensores não são mais os analógicos, e sim sensores muito sensíveis à luz que trabalham a imagem digitalmente, mas sempre com recursos que proporcionam a regulação de entrada de luz. Alguns recursos para ajustes hoje estão presentes nos smartphones dentre muitas outros processos para os quais foram projetados, porem as câmeras fotográficas foram projetadas especificamente para essa finalidade.

Não existe uma iluminação padrão para fotografia, o mais recomendado é aquela que não distorce a cor real do seu cenário. Deve ficar definido no projeto, roteiro baseado no objetivo da fotografia, para utilizar a iluminação específica. Por exemplo: Se o objetivo é um dia de sol, porém esta cena está sendo fotografada dentro de um estúdio fechado, iremos precisar de iluminação mais quente, ou luz que represente a tonalidade do sol, sob o rosto das pessoas ou objetos. Nestas cenas a iluminação precisa fornecer sombras que pareçam com as do sol, até parecerem reais na imagem final.

Em algumas cenas, precisamos criar um ambiente noturno, mas como criar fotografias que simulem o entardecer ou noite, quando as cenas são fotografadas em pleno dia? Reduzindo a entrada de luz aberta ou difusa, e focando apenas nos ingredientes a serem mostrados, seja no personagem ou objeto, e a dica para isto é usar algumas tonalidades de luz azul, que dá o ar de ambiente noturno.

É muito fácil perceber que em um programa de televisão que é exibida no horário da manhã, seja totalmente iluminado com a presença de cores claras, como amarelo e laranja, porém em programas exibidos no período noturno, a tonalidade é azul, mesmo que o programa seja gravado a tarde. Perceba que a fotografia depende da iluminação, e a iluminação deve cumprir seu papel em nosso projeto para obtermos o resultado planejado.

Claro que tudo isso depende do seu objetivo institucional. Se o que você deseja é promover seus produtos e serviços, a cobertura de eventos será uma ótima estratégia de marketing, logo, o seu investimento deve ter o mesmo patamar de suas expectativas.

Um time de excelência para cobertura de evento em alto nível deve contar com profissionais de: captação de áudio, sonorização, iluminação, captação de vídeo, fotografia, edição de áudio, edição de imagens, edição de vídeo, jornalismo, produção, etc.

Para isso, nos colocamos à disposição para ouvir sobre seu projeto e seu objetivo, entender sua necessidade, e assim traçarmos juntos o melhor plano para que seu evento obtenha êxito. Ao entendermos o seu projeto, iremos roteirizá-lo desde os bastidores até o término do evento, e toda a captação de imagens e vídeo será baseada nesta roteirização; o mesmo acontece quanto às entrevistas, pois nossos profissionais estão sempre comprometidos com o resultado final do produto contratado.

A Produção Do Seu Evento Em Boas Mãos

Short-movie, reportagem, cobertura total do evento, edição em tempo real para transmissão via streaming ao vivo por internet, com geração de caracteres, projeção de multitelas e animações.

Solicite orçamento

2- Planos

Quando pensamos em planos devemos observar a narrativa de cada imagem, ou a mensagem que queremos passar como a cada frame. Aqui irei contar um pouco sobre cada um. O plano determina a quantidade de informações que queremos passar, pensando na leitura que os observadores devem fazer de cada imagem.

A estes planos os chamamos assim:

 

  • Plano Geral (very long shot) P/G
  • Plano Médio (long shot) P/M
  • Plano Americano (mid shot) P/A
  • Primeiro Plano (close-up) P/P  
  • Primeiríssimo Plano (big close-up) Pº/P
  • Plano Detalhe (extra-big close-up) P/D

 

A seguir iremos pontuá-los uma a um:

Plano Geral

É uma imagem onde se encontram diversos itens como um parque, um estacionamento ou a cidade como um todo. Neste plano passamos informações de localização ou onde nosso motivo, ou objeto está localizado. Por exemplo, quero fotografar uma menina brincando com o cachorro no parque, então preciso situar a menina, não só fotografá-la, ou o só o cachorro, mas inseri-los dentro do contexto, por isso a imagem é mais aberta, para adicionar todos os ingredientes da cena, e minha informação para o observador seja completa. 

Plano Médio

Como a grande maioria das cenas são fotografadas com pessoas, neste plano podemos registrar características importantes do nosso personagem, como acessórios no corpo, tipo de figurino, uma conversa amigável, destacando sempre as emoções afloradas nestes momentos importantes.

Plano Americano

Criado para destacar as armas dos cowboys nos filmes de bang bang, onde as cenas eram registradas do joelho para cima do personagem.

Primeiro Plano

Prioriza no registro de sentimentos aflorados, tendo com objetivo principal destacar o emocional do personagem, e essas emoções são manifestas no rosto, sendo o motivo principal da nossa fotografia.

Primeiríssimo Plano

Como ainda dar mais destaque a um sentimento aflorado como a lágrima, ou uma intensidade dramática? Essas expressões são manifestadas nos olhos, rosto e boca do personagem, e este plano cumpre muito bem esta função.

Plano Detalhe

Às vezes este plano cria uma imagem abstrata, pois as imagem são feitas com enfoque mínimo, mas revelam o que não é perceptível de longe. Este plano te aproxima realmente do detalhe.

3- Captação E Edição De Imagem

No século 21 é possível termos em mãos um smartphone com uma câmera fotográfica embutida com lentes de resoluções modernas. Alguns aplicativos ajudam a inserção de filtros já predefinidos assim como no enquadramento e corte da sua foto. Porém existe uma grande vantagem em trabalhar com sistemas de edição de fotos como o Photoshop, pois quando se trabalha profissionalmente se produz conteúdo para diversas finalidades, inclusive aquelas que serão impressas. Enquanto algumas imagem são editadas para formatos com exibição em site, tv e redes socias, que tem como cores definidas em RGB, (padrão de cor de monitor ou tv), nas edições para impressão, onde implica na aplicação de combinação de tintas, é necessário criar projetos em CMYK. Caso uma imagem tenha sido captada pelo smartphone, pode não conter informações suficientes para o manuseio específico nas ferramentas de edição, por isso é recomendado utilizar câmeras fotográficas profissionais, que te proporcionam versatilidade na troca de lentes (objetivas), cada uma para uma finalidade específica, e que propicie a obtenção de arquivos (fotos) com qualidade para edição para qualquer formato final.

Abrir Chat
Em que posso ajudar?
Olá, Posso Te Ajudar?